Ghostgirl - Tonya Hurley

Sinopse

Charlotte Usher está no último ano do ensino médio e se sente praticamente invisível na escola, até que um dia fica invisível de verdade. Pior ainda: morre. E tudo por causa de um cara e uma bala de goma. Mas ela está tão desesperada para ser popular que o desejo permanece mesmo após sua morte repentina. Aproveitando suas habilidades de fantasma, Charlotte não descansará enquanto não conseguir o amor de Damen, o garoto dos seus sonhos. Romance de estreia da autora e cineasta Tonya Hurley e best-seller da lista do New York Times, o livro foi traduzido para mais de vinte idiomas, incluindo francês e espanhol, e é o primeiro volume da trilogia Ghostgirl. 

Não tem como começar a resenha de ghostgirl de outro jeito, preciso falar antes de qualquer coisa, do trabalho maravilhoso que a Editora Agir teve com a capa e diagramação do livro. O caixão da capa é recortado e a imagem está na contra-capa. Quem ainda não viu como é, pode conferir o vídeo onde eu mostro esse e outros livros. No início de cada capítulo tem uma imagem da Charlotte - a ghostgirl (a mesma menina da capa) e também uma frase ou um trecho de alguma música, que indicam o que virá a ser narrado em cada capítulo. Só indicam mesmo, não se preocupem, os trechos não entregam o que será narrado.


Os olhos dos outros são nossas prisões;
seus pensamentos, nossas celas.
- Virginia Woolf

O livro narra a história de Charlotte Usher, e o objetivo de sua vida se resume em se tornar popular na escola onde estuda. Falando assim, isso soa um tanto quanto fútil e sem graça não é mesmo? De fato, a ideia do livro não é nada digamos, original. Existem vários filmes com essa temática por aí. Meninas invisíveis querendo se tornar populares no colégio. Mas não desanimem por isso! Ghostgirl é uma ótima leitura. Fácil, rápida e divertida.


Nessa busca incessante pela tão sonhada popularidade, um dos maiores desejos de Charlotte é ser notada por Damen, o garoto dos seus sonhos. Então, ela começa o seu ano escolar com tudo planejado. Acreditando que esse ano será diferente, e que a sorte finalmente, irá sorrir pra ela. Mas uma coisa que, com certeza, não estava em seus planos acontece e muda sua "vida" totalmente, de um jeito cômico e inesperado, Charlotte morre.


Mesmo estando morta, Charlotte não desiste. E a vontade de se tornar conhecida por todos continua sendo  seu grande objetivo. Mas, como se tornar popular depois da morte? É aí que Scarlet entra em cena. Para continuar com seus planos Charlotte conta com a ajuda dela, a única mortal que a vê. Scarlet foi a minha personagem favorita. Ela faz o estilo rockeira e não da a mínima para popularidade, mas mesmo assim, ela se torna a fiel escudeira e amiga de Charlotte.


Outra característica que eu não poderia deixar passar, é o fato de a autora citar várias bandas durante a narrativa, como: Green Day, Goo Goo Dolls, The Cure, Radiohead... entre outras. Coloquei aqui as que mais gosto, e confesso que algumas que ela citou eu não conhecia como Joy Division, por exemplo.


Quando eu comecei a leitura do livro, eu pensei que já sabia tudo o que iria acontecer. Mas confesso pra vocês que o livro me surpreendeu. Ele não foi previsível como eu achei que seria. A narrativa fluiu bem e eu adorei o final. Não foi um final assim: "OH!" mas eu não imaginava que seria como foi. E estou bem curiosa pelas continuações!


Ghostgirl é uma trilogia e apenas o primeiro livro já foi lançado aqui no Brasil. Abaixo estão as capas internacionais da série. O que acharam? Eu a-m-e-i !
A série também tem um site super fofo, não deixem de visitar o http://www.ghostgirl.com vale a pena. E por último, mas não menos importante quero mostrar para vocês o book trailer do livro, que é um dos mais fofos que já vi. 


BOOK TRAILER



Eu adorei a música do book trailer e graças a resenha da Rê, do blog Ler e Almejar eu descobri que a música se chama Lovesick e é interpretada pela Polly Scattergood.

Ghostgirl é uma leitura bem light e eu recomendo para aqueles que estão querendo se divertir um pouco. E para aqueles que gostam de livros mais teens com uma pitada de sobrenatural.
Classificação final:



Livro: Ghostgirl
Autora: Tonya Hurley
Editora: Agir
Páginas: 320
 ★ Comprar: saraiva - book depository

17 comentários:

  1. Eu vi ele no vídeo, e achei bem mais caprichado que a versão original, que é a que eu tenho D: a minha não tem esse caixãozinho haha ~ ainda não o li, mas já está na fila :D
    E eu não sabia que o livro é uma trilogia, isso é bom . bjs

    tudo por um livro - issotudoporumlivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi,
    Vim retribuir sua visita e amei tudo por aqui já estou te seguindo e linkando ok. Agora sobre a resenha eu já tinha visto o livro e digo que ele realmente e muito criativo todo o formato dele a editora esta de parabens. mas nao conhecia a historia e sabe que me interessou não e nada do que eu pensava e agora você é culpada de mais um livro entrar na minha pilha (ihihihih). Falando serio amei a resenha adoro livros descontraidos e acho que irei gostar muito desses. Enfim estarei te visitando sempre que puder e quando puder e se quiser aparece la no meu blog tambem viu?
    Bjks
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa

    ResponderExcluir
  3. Ahhhhhhhhhh que ótimo saber que você gostou desse livro. É muito fofinho e tal, e como você disse, apesar da coisa de popularidade ser um pouco clichê, isso não estraga a história, além disso tem uma mensagem muito legal ao decorrer dela.

    A capa realmente é um mimo, eu sou apaixonada por ela, e a diagramação em geral nem se fala.

    Eu estou louca para ler a continuação, e as capas dos outros livros em inglês são maravilhosos.

    Parabéns pela resenha!

    Beijinhos

    Ler e Almejar

    ResponderExcluir
  4. Parece divertido, apesar dos clichês! Até porque a personagem principal tá morta, então não é tão clichê assim, né? USHAUSHUA
    Também adorei as capas do EUA, achei legal só mostrar o contorno da personagem!
    Beijos!
    Natália Maia - viciadasemlivros.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa esse livro tem cara de ser tudibom!!

    Beeijos meninas

    ResponderExcluir
  6. Olá Mandinha!
    Adorei a sua resenha!
    Infelizmente, a sinopse não me interessou muito rs. Pode ser que algum dia eu mude de ideia quando a minha lista de leitura diminuir mais rs. Na verdade a temática abordada não faz muito o meu estilo, nem filmes como a Noiva Cadáver e outros já despertaram a minha atenção. rs
    Bjos.

    Mariana Ribeiro
    Confissões Literárias.

    ResponderExcluir
  7. Adoro leitura. Fácil, rápida e divertida,amei a triller e a capa muito fofo.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Amanda!
    Estou super ansiosa pra ler esse livro! Vi uma resenha dele num outro blog e fiquei ansiosa, agora com a sua resenha, parece que o livro não vai me desapontar!
    Obrigada por ter passado lá no Livros na Cabeça! *-* Seu blog também é lindo!

    Beijos!
    http://livrosnacabeca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Amei a resenha Amanda!
    sabe, ghosto mesmo da capa daqui, é como a original, mas acho o efeito super legal, alem de ter o desenho da garota!
    Eu tb estou super curiosa para ler esse livro pq parece bem divertido.. espero me surpreender tb! Gostei das referencias musicais.. sempre acho legal!

    bjo
    Hey Evellyn!

    ResponderExcluir
  10. Sabe, depois de vampiros, lobos, anjos, dragões, fantasmas é algo bem diferente e fora do que estamos acostumados.
    Apesar de a história intercarlar os “dois mundos”, o dos vidos e dos mortos, o livro não me parece macabro. Talvez, eu leria...

    Abração.
    Jonathan Henrique

    ResponderExcluir
  11. Adorei a resenha! O livro parece ser ótimo, descontraído, bem "light" mesmo. E eu gosto de trilogias, mesmo que às vezes não seja preciso uma continuação :P Sem contar que a capa é lindaaaa né! Mais um pra minha listinha que está enorme hahhaha.

    ResponderExcluir
  12. Eu também já li e gostei muito!
    E tinha que começar falando de como o livro é tão bem trabalhado, muito lindo mesmo *-*
    Não sabia que era uma trilogia e agora mal posso esperar para elr os outros ;)

    Bjus =*

    ResponderExcluir
  13. Namorei esse livro, mas nào tive como comprá-lo. Tenho que concordar com vocês, a capa e diagramação são maravilhosas, não tem como passar despercebido. Não li, mas tenho na mente essa ideia que vc tinha antes, a de o livro ser previsivel. Amo leituras divertidas, acho que esse livro é a minha cara.

    ResponderExcluir
  14. Ótima resenha! ^^
    Gostei bastante do booktrailer também. =)
    Já tá na fila de compras! \o/
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Olá, Mandinha!
    O booktrailer de Ghostgirl é um amor, apaixonei-me pelo livro depois dele, haha.
    Ele está na minha lista de desejados, com certeza, mas acho que vou passar alguns na frente.
    Ótima resenba!

    Beijinhos,
    Ana - Na Parede do Quarto

    ResponderExcluir
  16. Eu sempre me interessei por ler este livro. No entanto, o curso não me deixa ler tanto como eu gostaria. Adorei tudo o que li. :D

    Continuem ;)

    Beijo*

    ResponderExcluir
  17. Sempre quis ser igual Charlotte Usher, mas percebi que eu sou do jeito que sou, acho que ela nos ensina isso que apesar de nossos defeitos e não nos enquadrarmos na sociedade nos sentimos esquisitos em relação as pessoas que são como podemos dizer, populares, e isso todo mundo quer ser claro.

    Beijos,
    Rafa
    rafersom.blogspot.com

    ResponderExcluir