A Elite - The Selection #2 - Kiera Cass

Tem alguém na blogosfera hoje em dia que nunca escutou falar de The Selection? Se escutar um "sim" juro que vou acreditar que você esteve em uma ilha deserta durante os últimos tempos porque essa distopia tem estado em destaque já faz bastante tempo!

Brincadeiras à parte, hoje eu vim falar do segundo livro da trilogia, que li faz um tempão, mas, só para variar, não postei resenha aqui porque sou a blogueira mais enrolada do mundo inteiro. Se você não quer spoiler de A Seleção, por favor, pule direto para a minha opinião, tudo bem? Ah e para quem quiser conferir o que achei de A Seleção basta clicar aqui.


Eram 35 garotas disputando o coração de um príncipe, algumas não se importavam com ele, só com a coroa, outras estavam caidinhas por ele e não ligavam nem um pouco para a coroa e tinha a America que não se encaixava em nenhum das duas categorias. Ela nunca quis se casar com Maxon, nunca esteve apaixonada por ele, na verdade ela nem queria participar da Seleção.

Mas a convivência pode mesmo mudar as coisas e America se vê apaixonada por Maxon isso acontece ao mesmo tempo que ela esbarra com Aspen, seu primeiro amor e o motivo de não querer se inscrever na competição, que agora é um soldado e trabalha no castelo. Nada fácil a situação para a garota que tem que esconder a presença do ex para não prejudicar a ela e ao próprio Aspen que precisa do emprego para ajudar a família.

Quanto mais o tempo passa, mais confusa Meri se sente, ela não sabe o que seu coração quer. Ora Maxon parece ser perfeito, o homem que a fará feliz, no minuto seguinte ela vê Aspen e vê a vida que poderia construir com ele. Em dúvida, tudo que ela mais quer é tempo para por os sentimentos em ordem, a cabeça no lugar e entender o que realmente quer.

Enquanto o triângulo amoroso se desenvolve dentro das paredes do castelo, os Rebeldes Sulistas e Nortistas tramam, cada um com sua própria intenção obscura aos olhos da realeza, para invadir o palácio. Tem alguma coisa ali que é de extrema importância para os Sulistas.

Maxon está apaixonado por America e esperar pela mulher que ama não é um sacrifício tão grande assim quando se tem outras com quem pode se distrair. Mas o que a garota precisa entender é que nenhum dos dois vai esperar pra sempre e ela precisa, para o bem todos, tomar a decisão antes que seja tarde demais e acabar perdendo o príncipe e o soldado.


Li faz séculos A Elite, sério gente, li ano passado na época do lançamento e fiquei me martirizando, não sabia com quem a Meri iria terminar e isso me consumia durante toda a leitura e, chegar aquele final, para ainda ter que esperar por mais um ano: desesperador! Hoje em dia já ando bem mais calma em relação a trilogia porque li e simplesmente amei o final (aguardem a resenha! haha).


Bom, eu queria muito que a Kiera tivesse focado um pouco mais nos mistérios que envolviam os Rebeldes nesse segundo livro e a falta disso me chateou um pouco, mas o que me fez pensar seriamente em dar um tempo da leitura foi a America pedindo tempo para o Maxon e pro Aspen O LIVRO TODO! Sinceramente ela não poderia ter ficado mais chata!

Por outro lado... Esse livro com certeza me fez morrer de amores pelo príncipe, não que antes já não o amasse, mas o segundo volume da trilogia realmente intensificou os meus sentimentos por ele. Porque eu sou totalmente team Maxon desde sempre, senti uma vontade louca de excluir o Aspen do livro pra ele parar de atrapalhar o romance do Max com a Meri.


Bom, continuo achando as capas da trilogia lindas, mas a minha favorita é a do terceiro livro. A Seguinte teve muito cuidado na tradução, posso dar certeza a vocês e realmente achei que ficou muito boa e não estou falando de "muito boa para o tempo que tiveram". Nada disso: a tradução está ótima assim como do livro anterior. Mais um ponto que conta a favor da editora é que os lançamentos dos dois últimos volumes da trilogia aqui no Brasil aconteceram no mesmo dia que o americano!

É uma distopia que eu, particularmente, amo. Mas para aqueles que estão querendo ler tenho que fazer a seguinte ressalva: o foco é muito mais no romance que propriamente no mundo distópico e se você não tiver isso em mente pode ser que "quebre a cara" ao ler esse livro.


6 comentários:

  1. O pessoal fica com esse mimimi da distopia, mas acho que os livros são romances. Apenas. Mas gostei do toque de distopia e do toque de romance, acho que Cass equilibrou bem. Gostei de toda a trilogia, o final me deixou um tanto chateada, tipo, alguns que morreram poderiam muito bem viver. Mas ok. Para mim ela sempre deixou óbvio com quem ficaria.

    The Lord of Thrones

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karla!

      Eu queria mais o toque da distopia e menos foque no romance e nos mimimis da America, isso deixa o livro um saco. A resenha do segundo livro em rascunho, e eu citei as mortes, cinco se não me engano, apesar de não falar QUEM morreu porque isso seria uma baita sacanagem, dar um spoiler assim pra quem tiver lendo...

      [SPOILER] Gostei do final, principalmente com quem a America ficou, pra mim não ficou claro até final desse segundo livro e, depois, eu estava com medo de que a Kiera fizesse ela ficar com o Aspen que, todo mundo sabe, quem ela shippa de verdade. Enfim, adorei o livro

      — Jessie

      Excluir
  2. Li o primeiro livro em Junho e agora estou esperando o terceiro "pousar" aqui em casa para ler o segundo. Outro receio que eu tenho é essa chatice da América, que por sinal foi o que me fez não amar tanto assim o primeiro livro da trilogia.
    Beijos,K.
    Girl Spoiled
    http://girlspoiled.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, eu lembro de como fiquei quando o meu A Escolha chegou aqui em casa. Muitos surtos. Estava super curiosa quando ele chegou e simplesmente não sabia se lia ou se enrolava um pouco porque estava com medinho da Kiera fazer alguma besteira no livro e estragar o final, mas achei muito bom. Espero que goste dele também <3

      Beijos

      Excluir
  3. Oii!! Eu amei esse livro, gente, Príncipe Maxon é a vida! Hhahahah tb sempre fui #TeamMaxon rs

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também amo o Maxon! Como eu faço pra conseguir um príncipe daqueles pra mim é a pergunta que me faço Natália! kkkkkkkkk

      Também sempre torci pelo Maxon, a pesar de no segundo livro a America ter ficado de palhaçada e depois ele ter começado a fazer doce nesse último!

      Beijos

      Excluir