Voos e Sinos e Misteriosos Destinos - Emma Trevayne

Voos e Sinos e Misteriosos Destinos é uma das capas mais lindas que já vi na vida e isso me fez correr atrás da sinopse, o que despertou em mim uma vontade ainda maior de ler a obra de Emma Trevayne, por isso eu solicitei, assim que pude, o livro para a Editora Seguinte.

Jack Foster pertence a uma família muito rica e tradicional de Londres, mas isso não quer dizer nada para o menino, aliás ele sente muita falta da convivência com os pais. O pai é um empresário e trabalha demais e a mãe é o que hoje conhecemos como uma socialite fútil, por isso o pobre garoto é mandado para um colégio interno.

Jack está de férias e por isso nós o encontramos em casa quando a história começa. Como a maioria das crianças de sua idade ele tem energia, curiosidade e imaginação quase inesgotáveis. Ele adora tentar descobrir como as coisas funcionam e isso acaba fazendo com que ele se meta em vários problemas.

No momento em que conhecemos o garotinho ele está em uma das fases mais entediadas das suas férias, sendo monitorado o tempo todo pela governanta da casa para que não apronte nenhuma das suas e isso faz com que ele não se divirta nadinha. Ele não pode brincar ou correr dentro de casa porque fazer barulho é totalmente proibido. O tédio passa quando uma figura misteriosa, o sr. Havelock, aparece na mansão dos Foster para entreter alguns convidados de sua mãe. 

O mágico desperta imediatamente a curiosidade de Jack e, em poucos dias ele é uma criança não apenas encantada pelo homem que conheceu, mas também um tanto obcecada por tudo que ele tem a dizer e, quando a oportunidade de segui-lo por uma porta secreta no Big Bang surge, Jack não pensa duas vezes e da início a sua mais fascinante aventura.

Ao passar pela porta ele é levado a um lugar que, depois, descobre ser Londinum, uma versão de metal, engrenagens, fumaça e magia da própria cidade de Londres. Ele se torna amigo de uma autômata (♥) e assim descobre algo que o deixa ainda mais intrigado: todos ali são feitos de metal e se dá conta de que talvez seja um pouco "rosa" demais para aquele mundo cinzento.

A mulher que governa a cidade está especialmente interessada em Jack pois quer ter um filho, mas um que seja humano. Ela é muito assustadora e  temperamental, sem dizer que está acostumada a ter o que quer e quando quer. Isso se torna um grande problema para o nosso pequeno protagonista porque é assim que ele começa a ser caçado. Agora Londres e sua família não lhe parecem o pior dos mundos e é por isso que ele quer achar o caminho de volta, mas por onde começar?

Para quem não sabe Voos e Sinos e Misteriosos Destinos é um steampunk, um gênero muito pouco conhecido. Mas o que é exatamente? Bom, ele deriva da ficção científica e suas histórias vão se passar na era vitoriana onde a tecnologia apresentada — geralmente mais próxima das usadas em máquinas à vapor —  está a frente daquela da época e sempre foram obtidas através da ciência. Pode-se também encontrar obras onde temos um mundo paralelo ao nosso com essas características — é o caso deste livro — e o principal representante do gênero é Edgar Allan Poe. 

Bom, esclarecido o que é um steampunk agora fica mais fácil entender minha opinião. Este é livro é um infanto juvenil ambientado em um gênero que, à primeira vista, não seria compatível com esse tipo de fantasia, então eu estava bastante curiosa para saber se a fantasia em um mundo mais sombrio e tecnológico funcionaria para mim, se a autora conseguiria me conquistar. A resposta é sim! Ela conseguiu misturar bem os elementos de um gênero mais sombrio à inocência das crianças.

A forma como Emma Trevayne une o elementos traz uma característica ímpar para a história. Além do mais, a forma como ela desenvolve a personalidade de cada uma das personagens só torna o livro ainda mais interessante, mas o mais interessante é como ela consegue fazer o leitor sentir empatia por Jack e se identificar com ele: você vai se reconhecer em várias situações. 

É interessante que também acompanhamos a evolução de uma criança, não é que ele se torne alguém velho e maduro, mas ele passa por certo amadurecimento importante no decorrer da história que é impossível não notar e admirar. Trevayne acertou em tudo em sua obra, sem sombra de dúvida.

Bom, essa é uma obra da Editora Seguinte, selo da Companhia das Letras, então tenham certeza de que o livro não está apenas lindo, ele também possui uma tradução bastante impecável e nenhum erro de português e isso é sempre uma das coisas que mais reparo em todas as edições deles. Ainda falando da edição nacional, nós temos uma capa emborrachada que eu amo e odeio ao mesmo tempo: o efeito é lindo, mas ela fica com marca de dedos. E em relação a diagramação: internamente o livro é tão perfeito quanto é por fora e possui algumas ilustrações fantásticas.

Será que deu pra perceber que eu fiquei completamente apaixonada pelo livro ou não fui clara o suficiente? O interessante é que a minha irmã está lendo agora e também está amando e ela só tem dez anos, então esse é um livro que pode agradar várias faixas etárias! Por isso não perca tempo e leia o quanto antes!







4 comentários:

  1. Essa capa me conquistou assim que bati o olho nela na livraria e aí quando comprei me apaixonei pela história. Jack é um fofo e me emocionei com ele durante todas as páginas

    Beijos -- Jules

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jules

      Essa capa é divina né? Com certeza uma das mais perfeitas da minha estante <3
      Eu adorei o Jack também, achei que foi muito bem idealizado e construído.

      Obrigada pelo comentário!
      Beijos

      Excluir
  2. A capa é realmente linda !
    Adorei a sua resenha ! E você gostou de verdade do livro , heim ?
    Com toda essa empolgação com certeza vou querer ter o meu exemplar também .
    Beijos ...

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Diane!

      Acho que é impossível achar essa capa feia. Que bom que gostou da resenha e sim, da pra notar o quanto amei essa leitura, né? hahaha

      Obrigada pelo comentário!
      Beijos

      Excluir